Soluções e TITI

O peso estratégico da IA para o relacionamento com o cliente

Na missão de ampliar a perspectiva estratégica das empresas e a forma como elas se relacionam com os clientes, a inteligência artificial cumpre uma função determinante

O ano de 2020 tem sido extremamente desafiador no que diz respeito às relações entre empresas e usuários, muito por conta do período atípico que todos estamos passando. No entanto, tão importante quanto reconhecer as lições herdadas e aplicá-las em melhores métodos processuais, é enxergar o próximo ano como uma grande oportunidade de se deixar velhos hábitos para trás e ingressar de vez na era digital. Além de alinhar o novo formato do relacionamento com o cliente de sua empresa.

Dentro desse contexto, o departamento de comunicação com o cliente representa com fidelidade um dos setores mais impactados positivamente pelo uso de soluções automatizadas.

Discutir a Inteligência Artificial e seu impacto sobre a realidade empresarial nunca é uma tarefa de simples execução. Existem variáveis e características particulares a cada organização que dificultam uma fórmula exata do que pode ou não funcionar. Porém, o que se mostra cada vez mais unânime entre o empresariado é que a inércia não é uma opção viável para ninguém, com o risco de cair em um estágio de inoperância prejudicial para o negócio como um todo.

Nesse sentido, debater a influência positiva da IA para o relacionamento com o cliente é uma ótima oportunidade de explorar o tema de forma clara e objetiva.

Recursos para acompanhar um mercado volátil

Ultimamente, conceitos de resiliência e flexibilidade têm sido trabalhados pelas empresas com certa frequência, dada a seriedade de um momento global distante do escopo operacional de praticamente todas as organizações.

Olhando para o futuro, é de suma importância que o gestor dê continuidade a qualquer entrada forçada à inovação como método de contenção às adversidades. A tecnologia contribui de modo incisivo para objetivos de redução de custos e otimização de processos, mas seus efeitos vão além de aprimoramentos técnicos e junto ao relacionamento com o cliente.

O dinamismo do mercado sempre estará fora do controle das empresas, não há como mudar essa condição. Isso também se aplica ao comportamento dos consumidores, que possuem suas próprias concepções sobre o que há de novo ou mais vantajoso no cenário.

A IA oferece a possibilidade de estruturar uma cultura corporativa preparada para responder ao imprevisível com assertividade e segurança, respaldando a atuação dos profissionais em todos os setores. Isso nos leva ao próximo tópico.

Análise de dados para melhores decisões

Como trazer os ganhos práticos da Inteligência Artificial para o cotidiano das equipes comerciais e relacionamento com o cliente?

Seguindo essa proposta de inovação, os dados assumem uma figura estratégica essencial, na medida em que fundamentam decisões precisas sobre aspectos comportamentais, hábitos, interesses, entre outros elementos que compõem uma persona.

Em termos práticos, plataformas de análise e classificação de documentos ajudam a coletar e tratar informações que podem ser úteis para os profissionais, deixando a margem para ações equivocadas muito mais enxuta.

A tecnologia chegou para simplificar a vida das pessoas que em tempos anteriores, tiveram de apoiar suas decisões em quesitos como intuição e experiência adquirida ao longo de suas carreiras.

Obviamente, estas são qualidades relevantes e não podem ser descartadas, mas não devem simbolizar a única fonte referencial dos profissionais. Essa vantagem preditiva vai de encontro ao uso inteligente dos dados e a IA oferece esse diferencial estratégico.

Porta de entrada para a valorização do cliente final

Entender o que se passa na mente do consumidor é, sem dúvidas, uma das finalidades mais desejadas por qualquer equipe comercial. O que muitos deixam passar é a necessidade de se colocar no lugar do usuário e pensar com sua cabeça, isto é, compreender suas maiores dores e demonstrar que sua organização não está indiferente quanto à condição apresentada, o que acaba criando um interesse puramente comercial. Relações frias e com pouca estima pelo vínculo com o próximo tendem a cair em desuso, e isso é um ótimo sinal.

A Inteligência Artificial proporciona as ferramentas ideais para que os colaboradores orientem suas ações com base no que o cliente está realmente procurando. Sem informações lançadas excessivamente ou políticas de comunicação fragilizadas, com pouco embasamento técnico. Esse é um dos maiores trunfos da IA e mais do que isso, uma comprovação verossímil de como a tecnologia chegou para beneficiar o componente humano, tanto no âmbito interno como no externo.

*Fabrício Beltran é Founder e CTO da Nextcode. Formado em Tecnologia de Dados, com pós-graduação em Big Data e Desenvolvimento Móvel, possui mais de 19 anos de experiência com projetos voltados à tecnologia e inovação.

Sobre a Nextcode As empresas que realizam o processo de onboarding por meios digitais, cada vez pediam por tecnologias mais seguras e eficientes. Ou seja, o meio de cadastramento, envio de documentos e primeira relação de empresa-cliente, que agora é feito online, precisa de uma garantia de relações confiáveis entre duas partes, cliente e empresa. O processo de onboarding digital resulta em diversos fatores positivos, como a maior abrangência de clientes, escalabilidade, economia de verba humana, maior agilidade e precisão, e diminuição de erros humanos. Os serviços da Nextcode realizam o processo de onboarding digital

Etiquetas
Mostrar mais
Consultoria especializada em RFP e Contração de Contact Center e Soluções para Atendimento. | contato@customercentric.com.br Consultoria especializada em RFP e Contração de Contact Center e Soluções para Atendimento. | contato@customercentric.com.br

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar